O sindicalismo no DF está de luto

Por volta das 12h desta segunda (27), o diretor de assuntos jurídicos do Sindicato dos Professores (Sinpro-DF), Cássio de Oliveira Campos, faleceu após uma parada cardíaca.

A CUT Brasília solidariza-se com a categoria e familiares, e comunga da mesma saudade.

Cássio Campos tinha 45 anos e era da Diretoria Regional de Ensino de Sobradinho. Lecionava matemática. Ainda de acordo com conhecidos, chegou a desmaiar durante piquetes realizados na semana passada nas portas das escolas. Colegas revelaram que Campos era diabético e recebera orientação médica para reduzir o ritmo de trabalho. No entanto, domingo à tarde o professor estava na sede da Central Única dos Trabalhadores (CUT), no Conic, reunido com o comando de greve.

Para os companheiros de luta, Cássio foi, sem dúvida, um sindicalista aguerrido e combatente. Dedicou anos de sua vida neste meio e contribui grandemente na luta pela garantia de direitos de toda categoria.

Nas redes sociais, amigos registraram a morte de Cássio Campos. A equipe da ECOM – Escola de Comunicação Comunitária do Itapoã – homenageou o educador: “Sempre será nosso exemplo de luta, dedicação, resistência e carinho. Temos que agradecer por termos compartilhado do mesmo caminho e abraçado a mesma estrada”.

O corpo está sendo velado em Sobradinho e nesta terça (28), às 10 h, segue para o sepultamento Unaí.

Fonte: CUT Brasília com informações do Sinpro-DF

Anúncios

Deixe um comentário ou enviei um e-mail para: auldf13@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s