Gleisi: esperam morrer alguém na caravana para tomar atitude?

Dois dos ônibus da caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na região Sul sofreram um ataque a bala entre Quedas do Iguaçu e Laranjeiras do Sul, sudoeste do Paraná. O atentado deixou dois furos na lataria do lado direito de um dos coletivos. O outro veículo foi atingido de raspão em um vidro lateral. Desta vez, ninguém se feriu.

A Polícia Militar foi acionada e foi registrado um Boletim de Ocorrência. Além disso, durante a passagem de um dos ônibus pela entrada de Laranjeiras do Sul, “miguelitos”, que são pregos torcidos, foram colocados na estrada furando dois dos pneus do coletivo.

A presidenta do PT, senadora Gleisi Hoffmann, falou sobre o assunto no início desta noite, mostrando toda a indignação que o caso suscita. “Desde o Rio Grande do Sul temos alertado as autoridades, mandamos ofício ao ministro da Segurança Pública informando nosso roteiro e pedindo policiamento, mas ainda assim não temos segurança. Agora, aconteceu o cúmulo: nossa caravana foi vítima de emboscada, um atentado. Essas pessoas querem matar o presidente Lula.”

A presidenta voltou a falar a respeito da leniência das autoridades e forças policiais com as denúncias que vêm sendo feitas. “Eu quero saber o que as autoridades paranaenses têm a falar, bem como o ministro da Justiça, o governo brasileiro. Vamos ter que tem alguém morto nessa caravana para provar o que estamos dizendo, que estamos sendo vítimas de milícia armada?”

Conforme disse a presidenta, esta não é a primeira vez que a caravana sofre ataques de grupos fascistas ligados à elite ruralista dos estados do Sul. Rojões, ovos, pedras e até chicote já foram utilizados pelos milicianos contra a caravana de Lula que, a despeito disso, é recebida em cada cidade por uma massa de brasileiros dispostos a ouvir, abraçar e proteger o ex-presidente Lula e seus companheiros.

Durante visita ao campus da Universidade Federal da Fronteira Sul em Laranjeiras do Sul, Lula também comentou o ocorrido.

“O que estou vendo aqui parece a criação do partido nazista. Os nazistas inventaram muita mentira também contra os socialistas e os democratas”, afirmou o ex-presidente.

“Esperamos que em está no governo estadual e federa;, seja golpista ao não, assuma a responsabilidade. Atacaram o ônibus aonde estava a imprensa”.

“Se eles acham que fazendo isso vão nos assustar, estão enganados. Vai nos motivar. Não podemos dizer que depois do nazismo esses grupos fascistas possam fazer o que quiser”

Lula ainda afirmou que “se querem brigar, vamos brigar, mas vamos respeitar a democracia nesse país. A democracia significa o respeito a diversidade. Cada um tem direito de ser o que quiser, na política, na religião, no sexo, cada um faz a opção que quiser”.

Assista entrevista de Gleisi Hoffmann sobre os ataques aos ônibus:

Brasil de Fato

@Brasil_de_Fato

Senadora @gleisi: “Nossa caravana foi vítima de uma emboscada. Um dos ônibus teve o pneu furado para diminuir a velocidade e levou 2 tiros, além de outro que passou de raspão. Não esperávamos esse grau de violência. O fato é que nós não temos proteção”

Da redação da Agência PT de notícias

Anúncios

Deixe um comentário ou enviei um e-mail para: auldf13@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s